terça-feira, 28 de junho de 2016

Belas, descaradas e dos "faço o que eu quero nessa porra!".




Olá Grifos! o/
Esses dias eu aprendi "Como ser solteira" e vim dividir meus conhecimentos e impressões com vocês. Let's go bitches! <3




1. Antes de ver o filme:




Quando vi o trailer eu meio que pirei porque eu amo de coração a Dakota e a Rabel, as atrizes que protagonizaram o filme. Ao primeiro trailer você tem certeza que o filme vai ser muito, muito divertido, principalmente por causa da Rabel, que tem mais experiencia com comedia. Um filme também sobre romance, e talvez se você não é fã de nenhuma das atrizes ou atores o filme poderia passar batido.
Ai esta pessoa que vós escreve, como uma boa fã de "50 tons de cinza" e "A escolha Perfeita", os respectivos trabalhos anteriores das minas; quis muito ir assistir no cinema e legendado mas, não deu...







2. Ai você assiste e quebra a cara:

Bom Alice (Dakota Johnson) é uma garota certinha que sempre depende de terceiros para lhe dizer como "é melhor" viver a vida, ela acaba aceitando por que é mais confortável e seguro. Mas, um dia resolve se mudar para NY para trabalhar como assistente em um escritório de advocacia. Juro que a parte chata acaba aqui.


No trabalho ela conhece Robin (Rebel Wilson) que é praticamente uma "rata de balada" sabe tudo sobre os melhores lugares pra se divertir, todas as noites dorme com um cara diferente, e é assim que ela é feliz e quer passar todo esse conhecimento valioso para Alice.


O que eu mais gostei nessa personagem é que ela não vive em baladas enchendo a cara porque está amargurada, porque alguém partiu seu coração. Ela faz porque é o jeito dela de se divertir; ela é espontânea, madura e segura dela mesma. Quando crescer quero ser como ela! <3


Temos ainda a irmã mais velha da Alice com quem ela passa a morar no começo do filme, assim que chega em NY. Meg mora sozinha e é médica e nunca quis ter filhos ate que um dia ela começa a interagir com uma criancinha muito fofa e decide que ia ter um bebê sozinha e faz inseminação artificial. Mas, ela não estava esperando se apaixonar justo nesse momento, ela so queria fazer sexo mesmo! <3 Quem nunca?


Por ultimo temos a mais ajuizada, por incrível que pareça... Lucy quer muito arrumar um namorado com o intuito de se casar e usa a internet do bar do vizinho para entrar nos sites de namoro e buscar sua alma gêmea mas, ela faz isso de forma tão racional que eu não consigo acompanhar mas, ela acaba achando o cara que procurava justamente por isso,,, hahahaha!


Não vou falar sobre os homens aqui, ok?

3. Depois do filme:
Ao final do filme a mensagem que fica é bem melhor do que se imagina, ser solteira é muito mais que não ter um namorado, é namorar a si mesma (o) e cada um faz de um jeito uns vão a baladas e bebem, outros viajam, aprendem coisas novas enfim. A questão é que a sociedade sempre está nos dizendo como viver e como se relacionar, e em uma epoca em que mesmo rodeados de pessoas e tecnologia nos sentimos cada vez mais sozinhos, aprender a ser só é um ato de amor próprio.

P.S. Eu shippei mais a Rebel com a Dakota que qualquer outras duplas ali! <3


É isso ai galera ate a próxima!o/

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...